Father and Daughter

Loading...

domingo, 17 de outubro de 2010

Leveza...


Semana passada duas senhoras idosas, de cabelos prateados, abordaram a enfermeira do posto do hospital:
- Nós queríamos saber como está a fulana do quarto número tal. E também gostaríamos de saber se poderíamos vê-la.
A enfermeira olhou na lista de pacientes, viu que a paciente que procuravam tinha 36 anos e que estava bem, perguntou:
-Vocês são "quem" da paciente?
-Nós somos filhas dela- responderam as idosas.
-Mas a paciente tem 36 anos, como vocês poderiam ser filhas dela?
- Ah! (Rindo) Filhas de santo!

Cada história que me contam!

Na mesma noite minha colega, ao preencher a DNV-Declaração de Nascido Vivo, perguntou para a mãe do bebê: 
-Qual a sua ocupação?
E a menina de 16 anos disse:
-Psicóloga.
Minha colega percebeu que alguma coisa estava errada:
-Mas como tu, tão jovem, podes ser psicóloga?
-Mas tu me perguntou a minha ocupação...Eu faço psicóloga toda semana!!!

Além de meus encontros com a morte, tenho muitas histórias engraçadas também para contar, histórias beeeem mais leves.

4 comentários:

Idalina disse...

Tem cada uma! Uma vez no consultório uma partilhante minha se queixou de dores abaixo do quadril. Ela achava que podia ser a próstata. Eu com toda delicadeza e contento o riso lhe informei que era impossível!!! Mas ficou mais história que conto para meus alunos até hoje. Como costumo dizer: O ser humano é surpreendente!
Abração.

Edith Janete disse...

Maravilha Idalina!
Conter o riso é para profissionais...hehe
Tenho tantas histórias engraçadas para contar!!

Shuzy disse...

Acabei aqui por acaso e lendo teus post me vinham sentimentos, bons, ruins... Fato é que gostei muito desse espaço.

Seguindo
=*]

Edith Janete disse...

Bem vinda Shuzy!!!